A 16ª filha – Os cuidados ao fazer uma tatuagem!

A maioria das pessoas arregala o olho quando falo que tenho 15 (agora 16) tatuagens. E eu me surpreendo com elas que não perceberam todas, porque nenhuma é discreta. Bom, no início da semana passada, assim que voltei de viagem, liguei pro meu tatuador e marquei uma tatuagem que estava enrolando para fazer a uns 6 meses. E enquanto fazia fui pensando no jeito de fazer esse post algo mais útil do que simplesmente postar fotos da nova filhota.

Engraçado como hoje em dia é mais difícil achar alguém sem tatuagem do que com. Quase todos os meus amigos já foram agulhados pelo menos uma vez, mas as dicas a seguir servem tanto para os iniciantes como para os já desenhados.

1. Antes de tudo, escolha bem o desenho. Lembre-se que ele ficará na sua pele para sempre. A remoção da tatuagem por laser é dolorosa, cara e não dá para fazer de uma vez, é preciso muitas seções. Portanto, não se deixe levar por uma modinha, a banda do momento etc. É preciso ser algo que faça parte da sua personalidade ou que marque um momento importante da sua vida!

2. Segundo, mas tão importante quanto o primeiro ponto, é o local do corpo que você tatuará. Eu sempre aconselho tatuar onde você não vê com frequência, como costas, canela, pescoço etc. O risco de enjoar rápido diminui bastante. Apesar de hoje em dia as pessoas serem mais “cabeça aberta” e ter menos preconceito com pessoas tatuadas, é bom pensar também no ambiente que você trabalha e/ou estuda! Profissões como medicina, direito e forças armadas ainda torcem um pouco o nariz para essa arte. Então é bom fazer onde você consiga esconder com facilidade.

3. Escolha com cuidado o estúdio onde você fará sua tatuagem. Nunca é demais falar, então preste atenção: A higiene do estúdio é muito importante. O local deve ser limpo e bem iluminado, preste atenção se a agulha que o tatuador usará é nova, se o material é esterilizado, se usam luvas e as vezes máscaras. O profissional estará em contato direto com sua pele e por menor que a tatuagem seja, ela sangrará um pouco, por isso todo cuidado é pouco.

4. Não tenha pressa de fazer sua tatuagem. Pesquise preços, veja desenhos feitos pelo tatuador e pegue dicas com amigos. É bom dar preferência para estudios já conhecidos, mas não custa nada circular e pesquisar qual melhor preço que se encaixa na sua renda. As vezes vale a pena fazer em um estudio mais caro e guardar a grana por algum tempo. Nunca faça com um tatuador que você não conhece o trabalho. Peça para ver desenhos e fotos feitos antes. Dê preferência aos tatuadores dos seus amigos. Se você viu uma tatuagem que gostou muito, converse com a pessoa para saber como o cara trabalha e se gostar, marque uma hora.

5. Converse (bastante) com o tatuador antes de fazer o desenho. Leva sua idéia pra ele, diga onde quer fazer, e o porquê do desenho. Na maioria das vezes ele vai te dar altas dicas, dizer se a tatuagem ficará legal no lugar que você escolheu, se é melhor aumentar ou trocar a letra etc.

6. Leve uma amiga com você no dia da tattoo. Além de te distrair, ela poderá segurar sua mãozinha quando a dor for um pouquinho mais forte!

7. E por último, depois de feita sua tatuagem, cuide muito bem dela. Todas as dicas de como cuidar do desenho serão dadas pelo tatuador logo depois da arte feita. No período de cicatrização é importante usar tecidos leves no local, passar pomada p/ queimaduras e lavar com agua corrente e sabão neutro umas 3 vezes ao dia e peloamordedeus, não coçar e nem arrancar a casquinha. Depois tem que passar filtro solar sempre que for à praia e hidratar a pele para que a cor fique sempre viva.

E não se preocupe, você sentirá uma vontade louca de fazer mais. Isso é normal!

Ps. Se você é menor de 18 anos, peça autorização para seus pais. Nenhum estúdio sério fará tatuagens em menor de idade sem que seus pais estejam cientes.
Ps2. Se você é do RJ, pode procurar o Jonny, na Kiko Tattoo, no Shopping da Gávea. Ele que faz minhas tatuagens!

5 Comment

  1. Já tenho desenho, lugar do corpo, tatuador e dinheiro (ok, é presente da minha mãe de “dia das crianças” do ano passado haha). O que falta é convencer meu pai de deixar, tem a dica pra isso, Patty? ;( Ele disse que só quer que eu faça (tá, querer não quer, mas né) quando for um pouco mais velha e ter certeza da minha carreira, como você disse, algumas ainda tem essas complicações, mas as duas que eu quero são “delicadas” e em lugares não muito visíveis (pé e costas), mas vamos lá, né, eu espero mais um pouco haha

    Eu adoro todas as suas tattoos, principalmente a estrela do Tom <3 haha
    Beijos.

  2. Lola says: Reply

    posta uma foto das outras tattoos! assim você nos deixa curiosas! ^^

    1. Oi Lola,
      Vou postar sim, mas é que para dizer a verdade eu preciso tirar fotos novas de todas elas pq algumas nem tenho foto =P

  3. Nossa, o desenho ficou maravilhoso, adorei *o* Não tenho tatuagens, pretendo fazer algumas, mas deixarei para mais tarde. Suas dicas são super válidas, principalmente a escolha do tatuador. Porque eu já vi cada tatuagem que gente do céu ._. Vou esperar para ver as fotos das outras tattoos *O*
    Beijão

  4. Fran_kukuty says: Reply

    Adorei o post, super informativo! Adorei a nova ‘filha’ lindíssima e super vc, ;]
    Amo tatto e acho linda, mas ainda não me arrisquei! Bjo

Leave a Reply